Maçonaria – Mistérios Gregos

Daremos prosseguimento falando sobre os Mistérios Gregos, que geralmente completa a tríade mais conhecida dos Mistérios Antigos (que são os Mistérios Egípcios, Hebraicos e Gregos).

Como já foi dito, o fato de serem muito citados como se fossem os “principais” não faz com que eles sejam de fato.

Grande parte dos movimentos que falavam dos Mistérios Antigos vieram na época do renascimento, de forma que os pensadores dessa época é que foram, de certa forma, o elemento mais importante (e até decisivo) para que hoje se fale tanto desses Mistérios.

Se você leu os outros dois posts (“Maçonaria – Mistérios Egípcios” e “Maçonaria – Mistérios Judaicos”) já deve ter entendido bem o que foi dito no Post “Maçonaria – Antigas Escolas de Mistérios” sobre o fato de cada um dos Mistérios terem começado de forma independente, certo?

É muito importante entender isso para compreender a individualidade dos Mistérios Gregos que veio a influenciar praticamente todas as cerimônias ritualísticas dos movimentos iniciáticos que viriam a surgir futuramente.

E que grande influência seria essa? Qual é esse elemento?

O Renascer

Você pode estar com a impressão de que isso já foi falado no Post sobre os Mistérios Egípcios, mas aqui, o foco no renascimento do ser é diferente do que aquele tratado no Antigo Egito.

Entre os gregos temos o renascimento que tem por base o que conhecemos como os Mistérios de Elêusis. Tais Mistérios se baseavam nos mitos de Deméter e Perséfone.

Segundo o mito, Perséfone foi raptada por Hades e o culto de Perséfone é baseado no seu retorno, que na prática representava também o renascimento das plantas, que “morrem” no inverno e “revivem” na Primavera.

O “Renascimento” pode ser considerado um dos elementos mais importantes na Maçonaria e nas ordens iniciáticas como um todo. Só não digo que é o mais importante porque, obviamente, não podemos dizer que o simbolismo do renascimento seria mais importante do que os princípios de virtude, certo? E não conclua que, com isso, estou dizendo que a virtude é mais importante que a iniciação!

Veja, é complicado colocar uma “pontuação” em cada um deles pois, por mais que possamos aferir que de tudo, a virtude é a característica mais importante de todo o maçom, seria através das iniciações (teoricamente) que o maçom seria capaz de absorver essas virtudes. Logo, se a iniciação for a melhor forma de transmitir isso, por mais que a virtude seja mais importante, a iniciação seria determinante para isso.

Com isso, vamos apenas entender a iniciação como um dos elementos mais importantes!

Antropomorfização de Ideias

Após essa questões, é preciso conhecer algo sobre o funcionamento da Mitologia que, particularmente, considero simplesmente fantástico e, mesmo que o leitor não o considere com todo esse peso, eu apostaria que não tem como não achar interessante.

Por mais que possam existir questões espirituais que se relacionem com a Mitologia Grega, existe uma característica ainda mais importante e que costuma ser ignorado quando falamos de Mistérios Gregos, que é:

Os personagens da Mitologia Grega simbolizam ideias e ideais antropomorfizados.

Isso muda bastante a perspectiva com a qual olhamos para as histórias desses personagens. Quando vemos um Deus (que é a representação de “X”) agindo de uma determinada maneira contra um outro Deus (que é a representação de “Y”), muitas das vezes essa relação está muito além do que a questões meramente mitológica. Na maioria das vezes, existe uma relação intrínseca entre eles.

Dentre esses personagens podemos pegar alguns dos personagens mais conhecidos para entendermos essas características. Começando por Cronos (o Pai de Zeus, senhor do Tempo).

Cronos era o Deus destruidor e implacável e é fácil pensarmos no motivo para isso. O que é mais implacável e destruidor em nossas vidas do que o tempo?

Gaste seu tempo de forma indesejada, em um emprego que você não gosta e em um relacionamento que você já não quer mais há muito tempo e você estará jogando fora o que você tem de mais precioso, que é a sua vida, pois o tempo mata a cada dia que passa. Se partirmos dessa linha também não será difícil enxergar porque Cronos também era o representante do Caos.

Afrodite, a Deusa que representa diversas características relacionadas ao amor, ao desejo e a sexualidade, era a personagem que causava ciúmes e guerras. Ao encantar Helena fazendo com que ela se apaixonasse por Paris, se iniciou um conflito que deu origem a guerra de Tróia. Isso serve para nos mostrar tudo o que o amor e o desejo são capazes de causar. Mas, da mesma forma que o tempo, o amor não é algo que se possa evitar e ninguém pode escolher nunca amar. A lição, como no caso de Cronos, é evitar fazer mal uso disso e não deixar que o amor e o desejo sejam nocivos a esse ponto.

Às vezes, alguns deuses apareciam apenas para explicar questões do mundo que não se podiam explicar. Por exemplo, Atlas era o Titã que, por punição, segurava a terra em seus ombros, e esse era o motivo da terra não cair sabe-se lá para onde. Igualmente, Zeus era o motivo de existirem raios e trovões (além, é claro, de representar o “princípio de ordem”).

Até mesmo as brigas e desavenças tinham um motivo simbólico, assim como os nascimentos dos deuses.

Algumas exigem uma análise mais complexa como, por exemplo, a vitória de Zeus sobre Cronos, que se tratava da “vitória da ordem sobre o caos”. Mas outras são mais simples de entendermos.

Também é importante falarmos de tudo isso porque muitos acreditam que essa proposta de “enxergar os personagens das Mitologias como parte da personalidade de cada um” é algo que começou com Joseph Campbell. Mas isso não é verdadeiro, ainda que o tema tenha se popularizado por causa dele.

Por mais que não seja unânime a posição de que a Mitologia Grega tenha esse objetivo, nós temos hoje elementos suficientes para apresentar essa hipótese de forma muito bem fundamentada.

Aos que tiverem interesse no tema, fica aqui a recomendação dos trabalhos do grande Junito de Souza Brandão.

O Irmão Maçom (que lê esse Blog) provavelmente já está pensando na forte relação que tudo isso tem com a Maçonaria. Para os demais leitores desse blog, explico.

Inúmeras cerimônias de graus da Maçonaria tem como principal características as Alegorias. Nelas, personagens são apresentados (com uma história de fundo) e o objetivo principal é o de transmitir as lições de virtude da Ordem.

Só por esse simples fato já é possível compreender o quão isso é importante nesse processo. Mas é claro, não temos apenas esses conceitos como influência dos Mistérios Gregos na Maçonaria e nas Ordens Iniciáticas.

Símbolos Gregos na Maçonaria

Muitos símbolos encontrados na Maçonaria também são encontrados na Grécia Antiga.

As colunas gregas utilizadas na Ordem são talvez o símbolo mais aparente de influência grega. São elas as Colunas Jônica, Dórica e Coríntia.

De certa forma, os signos astrológicos também tem uma forte influência grega.

A tradição astrológica, em si, remonta de um período bem mais antigo e, se formos colocar no papel, teremos que abarcar vários povos antigos (alguns mais conhecidos, outros menos).

Entretanto, foi a partir de Ptolomeu, ao reunir a maior parte das tradições astrológicas desses outros povos, que a astrologia passou a ser mais conhecida, já que, nos tempos passados, não havia diferenciação entre astrologia e astronomia. Tudo era parte de um mesmo conhecimento.

Há também os muitos outros símbolos que também existiam nas culturas gregas e que são bem interessantes, valendo a pena conhecermos a interpretação dos mesmo, ainda que a referência direta utilizada na Maçonaria não sejam as mesmas.

Como exemplo temos a sagrada tetráktis e a numerologia pitagórica (que também teve forte influência na música, fazendo com que Pitágoras construísse o monocórdio – instrumento de uma única corda).

É a partir desses elementos que surgiram várias das interpretações numerológicas que temos hoje em dia. Além disso, também foram importantes para a fundamentação da Geometria Plana e Sólida que, futuramente, daria origem aos “sólidos platônicos”.

A estrela de cinco pontas como representação do homem foi outro símbolo que podemos extrair desses Mistérios.

Tais símbolos são vistos dentro da Maçonaria e, como você pode ver, podemos aprender muito com eles.

This entry was posted in Maçonaria. Bookmark the permalink.

13 Responses to Maçonaria – Mistérios Gregos

  1. ivo says:

    Bastante elucidativo, pois ate entao achava eu que a apenas a Mitologia Egipcia era utiizada na Maçonaria.

    Ps: Acho que peerdi alguma informacao. Os post’s estao sendo feitos, agora, a cada dois meses?

  2. Paulo Ricardo says:

    Há muitos Mistérios em nossos Mistérios. Grande Texto!

  3. Rafael says:

    A meu ver muitas relações são feitas com a maçonaria, mas na verdade estão mais relacionadas aos ritos propriamente ditos do que com a maçonaria. No Brasil confunde-se REAA com maçonaria.

  4. Jorge Noel says:

    Salve, Ir.’. Admin!

    Outra manifestação da cultura grega presente na Maçonaria, que acho que seja relevante mencionar, seria das três estátuas dos deuses gregos – Zeus ou Atena (S), Ares ou Hércules (F) e Afrodite (B) -, correlacionadas com as ordens arquitetônicas e que fazem parte do Rito Brasileiro e que algumas lojas do REAA aqui no Brasil incorporaram com o intuito estético.

    TFA.

  5. Cristiano says:

    E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. …Varões israelitas, atendei a estas palavras: Jesus, o Nazareno, varão aprovado por Deus diante de vós com milagres, prodígios e sinais, os quais o próprio Deus realizou por intermédio dele entre vós, como vós mesmos sabeis; sendo este entregue pelo determinado desígnio e presciência de Deus, vós o matastes, crucificando-o por mãos de iníquos… A este Jesus Deus ressuscitou, do que todos nós somos testemunhas … Esteja absolutamente certa, pois, toda a casa de Israel de que a este Jesus, que vós crucificastes, Deus o fez Senhor e Cristo. … Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo.” – Atos

  6. CRIS says:

    Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores.
    Romanos 5:8
    Jesus levou sobre si nossas dores, Jesus foi “Homem de Dores”. Ele sabe o que é se sentir deprimido e decepcionado, Ele sabe o que é ser abandonado, covardemente traído, injustamente acusado.

    Acredite. Não o Jesus da religião e nem o Jesus dos religiosos, mas no Jesus da Bíblia, o Jesus que cura, o Jesus que faz milagres, o Jesus QUE NÃO ESTÁ PRESO NO MADEIRO, POIS NEM A MORTE PODE DETÊ-LO.

    Ele quer sarar sua visão de quem És de verdade, e quer sarar sua visão da própria vida.

    Ele quer deixar de ser apenas um personagem religioso, de ‘histórias em quadrinhos’ e ser seu Salvador Pessoal, ser seu Refúgio, seu Conselheiro, seu Mestre…
    Acredite, há saída para você!!
    Que estas palavras possam fazer morada em seu coração e a diferença em sua vida!
    Busque uma igreja, onde pregue a PALAVRA DE DEUS, sem destorções, sem acrescentar nem tirar, para que aprenda mais do Senhor e viva em comunhão com o corpo de Cristo

  7. flavia says:

    Eu gostaria de saber mais da maçonaria, pois admiro o comportamento dos maçons em relação a outros seres. Fui funcionaria de vários maçons, que não se conhecem e de alguma maneira o comportamento é o mesmo. Sempre cordiais, educados, talvez tenha haver com o aspecto financeiro, no entanto alguns começaram bem de baixo e parecem ter a mesma filosofia de agir. O que mais me intriga é o fato das mulheres serem excluídas, a pergunta é isso tem haver com falta de discrição? E como deve ser a mulher que acompanha o maçom, pois o comportamento é bem diferenciado, mais parece que ela não tem nenhuma educação em relação a essa filosofia.

  8. JACÚ PESSEGU KARAMBOLA says:

    Bem, realmente não sei como sei tudo que sei. Só sei que sei algumas coisas que realmente a humanidade não está nem ai pra isso. Poderia até dizer e gravar no youtube, mas uma minoria iria pensar sobre o assunto. Bem o fato é que as pessoas ainda preferem assistir novela no Brasil do que imaginar dizer alguma coisa sobre o que faz com o sabão, petróleo, ou o que enfia guéla abaixo sabendo que as doenças do coração são as que mais matam, ou sal que destrói artérias tirando usa elásticidade. Bem o que isso tem a ver com iniciação.
    Voltando ao assunto, sinto muito aos maçons, e sinto muito mesmo aos satanistas, sinto muito mesmo até mesmo aos hermetistas, David Icke, Philip Shinaider, Alex Collier, Jean Val Ellan, Chico Xavier quem sabe?, A Bíblia e até mesmo todos os advinhadores e macumbeiros de plantão.

    Sinto muito mesmo até por vc caro dono deste blog,

    Mas não acho que saiba realmente o que está havendo por aqui. Como já disse, realmente não sei como sei. Não sei se os pensamentos foram soprados em minha mente, não imagino como cheguei até aqui.

    Só posso lhe dizer que todo o bom conhecimento da história, e tudo que aprendeu sobre os povos antigos e sobre iniciação, e toda aquelas coisas que irmandade, e o que fazem e deixam de fazer na tal PANELINHA, ou clube, ou sei lá o quê, só vai realmente criar mais sinapses e neurônios melhores, mas a verdade que sei a ponta do iceberg será muito difícil de ser aceita.

    Não precisamos de Nada nem de ninguém para mostrarmos quem somos. É muito mais difícil ser quem vc é sozinho do que com a ajuda dos lavadores de mente. Eles acham que seu caminho é estreito? Pode até ser de alguma forma, mas não é mais difícil que o caminho que descobri. Sabe quem eu sou na terra? Você não faz idéia.

    Sou uma coisinha, eu mesmo sei disso. Mas……….. Posso remodelar o planeta, reconstruí-lo. Posso inclusive acabar com todos os problemas daqui. Todos. Só não posso mudar o caráter de um ser ou pensar por ele. Posso dar a ele a oportunidade de ver o outro lado da vida que não teve ainda durante desde nossa criação.

    Se soubesse o que sei. Saberia que sou livre. E se soubesse que liberdade é essa saberia do que estou falando.

    Convoco todos os idiotas e imbecis da Terra com boa vontade e bom coração. E lhe garanto. Eles fariam coisas tais, mais que todos os diplomados da Terra junto que estão no poder e mais que Jesus em três dias, ou sei lá três anos.

    Deus não está preocupado com o que eu posso fazer, realmente temos que passar por algumas coisas e será inevitável. Se Deus realmente prova os homens, ele teria que gastar muita grana e poder pra esta mosquinha aqui chamada EU, realmente penso que se a questão fosse ouvir fofoca do diabo e me provar, nem Deus nem o Diabo teriam muito interesse nisso, pois seria tão caro, mas tão caro, que pra eles eu não estou valendo tanto.

    Bem como já disse, goste ou não o Capeta, eu vejo este planeta como esmola se a questão fosse brigar por ele.

    Bem se quer ser iniciado, duvido que pense por si mesmo? E consiga fazer o que acha que é certo. Se entrar para a patotinha, acho que acabou sua liberdade.

  9. JACÚ PESSEGU KARAMBOLA says:

    Gostaria de responder a amiga Flavia algumas coisas que se faz na Maçonaria.
    Bem o fato é que não sei se tenho autorização pra falar.
    Só sei que sei.
    Não fiz votos nenhum pra saber o que sei.
    Mas… e se eu falar e for realmente castigado?
    Ahn? Vou lhe contar alguma coisa.
    Eles estudam muito……… Existe uma loja azul. Provavelmente se vc ou eu fossemos um, ficariamos nela pelo menos até o último dia de nossas vidas.
    Existem muitos graus. E lá dentro é um cubo dentro de um buco, onde vc não sabe encaixar as peças de cada um deles senão estando dentro dele.
    Bem, se entrar lá, vc será um entre bilhoes da terra. Neste ponto sim posso dizer que a Maçonaria é um lugar para muito poucos.
    Bem, se vc não tiver uma grana legal pra pagar suas cootizações mensais vc nem deveria pensar em ir lá, a vestimenta é cara, os paramentos, e tudo é caro. Rola muitos comes e bebes, muito esmolinhas caras pra os caras como eu, não sei vc.
    Bem o fato é que se entrar lá vai saber mais que qualquer um sobre ler livros. Quem sabe trabalhe mais sua espiritualidade e tenha vários aumentos de salário.
    Bem o fato é. Eles trabalham a noite muitas vezes, a portas fechadas, e como todo mundo sabe, em sigilo total.

    Sabe guardar segredos? Se não souber o que é isso não serve pra ser Masson

  10. JURIPOCAS says:

    O FLÁVIA, VAI PROCURAR O QUE FAZER NA MAÇONARIA MISTA. DIGITA MAÇONARIA MISTA, SE PUDER PAGAR E FOR INDICADA QUEM SABE?

  11. Carlos Pires says:

    Il.’. Ir.’. Adm.

    S.’.S.’.S.’.

    Os textos nos trazem esclarecimentos que se fazem necessários para todos os IIr.’.. Sendo assim, peço ao Ir.’. que não pare de nos brindar com as luzes de sua sabedoria.

    T.’.F.’.A.’.

  12. Nach says:

    A relação entre Afrodite e Ares representa a magnética união entre conflito e harmonia.

    Psiquê(Alma) se relaciona com Eros(Amor), e então geram Hedonê (Prazer).

    Ainda com Psiquê, o ato dela começar como humana e se deificar, alude-nos a alma que eleva o nível de sua consciência com o TODO.

  13. Renata Canal says:

    Muito interessante. Sempre fico admirada quando pesquiso e começo a ler sobre esses assuntos

Leave a Reply to Paulo Ricardo Cancel reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>